sexta-feira, 9 de outubro de 2009

em casa

Atravessei na balsa de oh30m, um vento com o cheiro do mar e o enorme silencio da noite... As palmeiras refletidas nas águas do rio João de Tiba e fico ali olhando tudo como se poucas horas antes não estivesse assustada com o trânsito e o medo de perder o vôo em São Paulo...De um santo para outro em menos de 2 horas... Sto André aqui estou eu mais uma vez. Chego na casa em silencio, jardim iluminado, a grama cresceu, as árvores podadas ja mostram novos galhos... Chico e Pulga não me estranham, se espreguiçam como perguntando quem veio atrapalhar seus sonhos. Obrigada por esta vida...

Um comentário:

  1. Daqui a pouco eu vou ver isto também... embora o Chico e a Pulga não me estejam esperando.
    A gente se vê por aí, ao longo do rio ou ao lado do mar.
    bjks

    ResponderExcluir